"Faça aos outros aquilo o que gostaria que fosse feito a você, e não faça aos outros aquilo que não gostaria que fosse feito a você”

A regra de ouro é um princípio ético de comportamento humano presente em quase todas as culturas e religiões considerado como a Synderesis, isto é, uma verdade evidente, simples, de fácil compreensão intelectual, inclusiva, eficaz e persuasiva. - É um princípio que não se exaure nunca, como uma "luz inextinguível" que permanece sempre na pessoa, e para a qual é um ponto de esperança e dignidade de cada ser humano. - Ajuda a promover a empatia, ou seja, a capacidade de compreender a situação do outro, aquele que deseja, que necessita, portanto reconhecer e valorizar quem está ao seu lado. - Se vivida bem gera sempre a reciprocidade, e portanto a fraternidade.

Existe um lei universal, encontrada nos vários livros sagrados das religiões do mundo, que é única na sua característica de estar presente em todas as culturas: "Fazer aos outros aquilo que gostaríamos que fosse feito a nós e não fazer ao outros aquilo que não gostaríamos que fosse feito a nós" É tão preciosa a ponto de ser chamada a "Regra de Ouro"! Em diversas formas se encontra expressa nos livros sagrados das principais religiões e nos textos de sabedoria de muitas culturas.
HEBRAÍSMO: "Aquilo que para você é odioso não faça ao seu próximo. Esta é toda a lei" (31° Sabbat, Talmud Babilônio)
CRISTIANISMO: "Tudo quanto queiram que os homens façam a vocês, também vocês façam a eles: esta em fato é a lei e os profetas" (Evangelho segundo Mateus 7, 12)
ISLAMISMO: "Nenhum de vocês é um crente até que ame seu próximo como ama você mesmo" (Profeta Muhammed, 13° dos 40 Hadiths Nawawi)
BUDISMO: "Não ferir os outros em maneira que você não deva se reencontrar ferido" (The Buddha, Uadanavarga 5, 18)
INDUÍSMO:"Esta é a soma do dever: não fazer aos outros aquilo que causa dor se feito a você" (Mahabharata, 5.15.17)
CONFUCIONISMO: "É a máxima da amável benevolência: não fazer aos outros aquilo que não gostaria que os outros fizessem a você" (Confúcio, Analects 15.23)
JAINISMO: "Na felicidade e no sofrimento, na alegria e na dor, deveríamos ter cuidado de todas as criaturas como temos cuidado de nós mesmos" (Lord Mahavira, 24° Tirthankara)
SIKHISMO: "Como estima a você mesmo, assim estime os outros" (Sri Guru Granth Sahib)
TAOÍSMO: "Respeite a vitória do seu próximo como se fosse a sua, e a derrota do seu próximo como se fosse a sua" (Lao Tzu T'ai Shang Kan Ying P'ien 213-218)
BAHAI: "Bem-aventurado é aquele que ama seu irmão antes de si mesmo" (Bahá' u' lláh, Tablets of Bahá' u' lláh, Bahá'í World Centre, Haifa 1978)
ZOROASTRISMO: "Não fazer aos outros aquilo que é nocivo para você mesmo" (Shayast-na-Shayast 13.29)
RELIGIÃO TRADICIONAL AFRICANA: "Aquilo que você dá (ou faz) aos outros, isto será dado (ou feito) a você" (Provérbio ruandês)
X
- Enter Your Location -
- or -